Política

Frente Parlamentar da Radiodifusão


Deputados defendem liberdade de imprensa e de expressão para fortalecer democracia durante o lançamento da Frente Parlamentar da Radiodifusão

Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu ontem, no lançamento da Frente Parlamentar em Defesa da Radiodifusão, a liberdade de expressão e de imprensa praticadas pelas empresas do setor como maneira de fortalecer a democracia contra o que chamou de “viralização do ódio através das fake news”.

A Frente Parlamentar da Radiodifusão foi criada pelo deputado Eli Corrêa Filho (DEM-SP) e é uma das maiores da Câmara, conta com o apoio de mais de 270 parlamentares e tem como um dos objetivos defender a liberdade de expressão e de imprensa.

Para Rodrigo Maia, o mundo vive uma revolução na forma de comunicação da política com a sociedade, daí a importância da atuação das empresas de radiodifusão. “Como toda revolução, vivemos coisas boas e coisas ruins. Vivemos uma crise da viralização do ódio através das fake news. E, diante disso, nada mais importante que a liberdade de expressão e a liberdade de imprensa, assim como o papel das empresas de radiodifusão no nosso País”, disse o presidente da Câmara.

O deputado destacou a importância das empresas do setor, que, segundo ele, vai além da função de informar a população. “Empresas de comunicação cumprem o seu papel como permissionários e permissionários públicos. Além da produção de conteúdo, tem o dever constitucional de contribuir para a educação”, disse.

  • Agência Câmara Notícias: Antonio Vital e Natalia Doederlein
  • TV Câmara
Política
BNDES terá R$ 205 milhões para investir em tecnologia e inovação
Política
Projeto que trata da carteira de radialista volta à análise no Senado Federal
Mercado
Pioneirismo: TRT do Mato Grosso inaugura rádio FM 104.3
Sem comentários no momento.