Notícias

Centro de Memória Bunge enfatiza a importância da preservação no Dia Mundial do Patrimônio Audiovisual


Acervo conta com mais de 1,5 milhão de documentos no acervo e utiliza diversas técnicas de preservação da documentação em 26 anos de existência

Na terça-feira, 27 de outubro, comemorou-se o Dia Mundial do Patrimônio Audiovisual, proclamado pela Unesco em 2005. A data, além de marcar a importância da preservação de acervos audiovisuais, chama atenção para a necessidade da adoção de medidas urgentes de conservação dos conteúdos. O Centro de Memória Bunge (CMB) tem desenvolvido, há 26 anos, ações com foco na disseminação de conhecimento sobre a preservação de memória empresarial, por entender que acervos empresariais são instrumentos estratégicos de gestão.

A iniciativa do CMB contribui para a guarda e preservação de documentos que ajuda a contar a história da industrialização do Brasil. Para tanto, conta com as melhores ferramentas e técnicas para restauro, limpeza e acondicionamento em material neutro, com reserva técnica climatizada e com controle de umidade. Além disso, buscou também procedimentos para recuperação de documentos deteriorados ou danificados.

Utilizando técnicas e profissionais de historiografia e museologia, a instituição foi responsável pela identificação, restauro, remasterização e higienização de 144 documentos sonoros, armazenados em fitas cassetes e discos em vinil. O áudio foi preservado em altíssima qualidade em formatos digitais, que facilitam a disponibilização do acervo para consulta sem danificar os originais. Também foram feitas 4.900 digitalizações de documentos filmográficos com o objetivo de preservar a imagem analógica e permitir o acesso do público por meio de formatos como arquivos em MP4 disponibilizados em DVDs, HDs ou compartilhamento na nuvem.

Entre os mais de 1,5 milhão de documentos no acervo está o áudio de um dos episódios de 1957 do programa de rádio Galeria Musical SANBRA, da Rádio Nacional do Rio de Janeiro, em homenagem ao compositor Noel Rosa. O Galeria Musical SANBRA foi produzido por Paulo Roberto, com apresentação dele e de Zezé Fonseca. Na época, a orquestra que se apresentava ao vivo estava sob regência de Hércole Vareto, com as vozes de Lucio Alvez, Zezé Macedo, Dolores Duran, Roberto Paiva, Risadinha e Marion.

Centro de Memória Bunge

O Centro de Memória Bunge foi criado em 1994 e desde então é um dos projetos da Fundação Bunge. Referência na área de preservação da memória empresarial, o local tem como objetivo a guarda e preservação de documentação histórica, a disseminação do conhecimento e a utilização de seu acervo como um instrumento estratégico de gestão. Para facilitar o acesso ao público e compartilhar com a sociedade o aprendizado construído, conta com atividades gratuitas como Atendimento a Pesquisas, Exposições Temáticas, Visitas Técnicas e Benchmarking. Além disso, promove as Jornadas Culturais, série de palestras e oficinas gratuitas com objetivo de conscientizar as pessoas sobre a importância da preservação de acervos históricos e patrimoniais.

Notícias
Ministério da Defesa defende previsão de rede privativa do governo no edital do 5G
Notícias
EBC reinaugura estação da Rádio Nacional da Amazônia
Mercado
Eleitores recorrem as rádios nas eleições municipais
Sem comentários no momento.